Algum tipo de amor.

por brudamasceno

Existe algum tipo de amor que resista ao tempo, as novas manias, aos outros amores?
Existe algum tipo de amor que beira o ódio insano, o desespero gritante, a indiferença errante?
Existe algum tipo de amor que se refugia nos vasos sanguíneos, tornando-os fibrosos, obstruindo-os, sufocando?
Existe algum tipo de amor que ainda exista, mesmo depois que tudo que amo já deixou de existir?
Existe algum tipo de amor que não é amor, mas parece amor? Ou algum amor que é amor, mas não parece amor?
Esse tipo de amor que te deixa envolta no relento, à beira de um precipício, ao convite do mar gélido, à mercê de alguém que nunca virá. Alguém que nunca voltará. Ainda assim, é amor?

Anúncios